Em fevereiro de 2022, o CIO (antiga IDG Communications) realizou um estudo para examinar os desafios comerciais e tecnológicos entre os clientes de software empresarial Oracle e SAP. A pesquisa apresentou uma visão clara dos desafios resultantes da falta de habilidades em TI. Eles incluíram entrevistados de várias funções e organizações de TI de US$ 250 milhões a US$ 10 bilhões ou mais, localizados em 10 países diferentes.

O que eles descobriram é que a escassez de talentos nessa área é um problema real que está tendo um impacto global na capacidade das empresas prosperarem e crescerem. O impacto vai além dos atrasos internos em projetos de TI e problemas de produtividade – quase um quarto (24%) dos entrevistados nos EUA citaram a perda de clientes como resultado da falta de talentos em tecnologia.

Baixar o relatório completo

Destaques da Pesquisa de Escassez de Talentos de TI

Lição 1: O mercado de talentos de tecnologia pequeno está impedindo a inovação

À medida que a modernização da tecnologia aumenta após a Covid, muitos CIOs estão buscando aumentar a equipe para trabalhar em projetos digitais. Os CIOs entendem que a transformação dos processos de negócios é um ingrediente chave para o sucesso digital. Mas para muitos, essa transformação é um obstáculo para atrair talentos que esperam opções híbridas e remotas.

Aquele grupo de talentos que entendem do negócio e da tecnologia especifica de cada empresa é o alvo que muitos CIOs lutam para recrutar. A questão é na verdade mais ampla do que encontrar talento tecnológico suficiente. É encontrar especialistas em tecnologia que também entendam o negócio e ter a tecnologia certa para acomodar sua forma preferida de trabalhar.

Destaques da Pesquisa de Escassez de Talentos de TI

Lição 2: As empresas estão rodando versões SAP e Oracle antigas

Enquanto nuvem, IA e machine learning podem ser alguns dos tópicos mais quentes na tecnologia neste momento, 45% das organizações pesquisadas estão rodando com versões antigas de software SAP, Oracle e PeopleSoft, mesmo quando estão se modernizando.

A falta de talentos tecnológicos está afetando as equipes de suporte para essas implantações legadas, especialmente porque muitos dos especialistas nessas versões estão deixando o mercado de trabalho devido à aposentadoria (diferente da mudança de emprego, neste exemplo). A diminuição do número de especialistas que permanecem no mercado de trabalho para dar suporte a esses sistemas representa um mercado altamente competitivo.

Lição 3: O foco da contratação é em novas habilidades de TI

Parece que os candidatos não estão tão entusiasmados em trabalhar com tecnologia antiga, ou não têm conhecimentos tecnológicos para isso. Como resultado, algumas empresas criaram um desequilíbrio na forma como concentram as atividades de recrutamento e retenção de talentos de tecnologia - indexação excessiva de novas habilidades versus habilidades herdadas. A pesquisa também mostrou que os clientes da Oracle são mais propensos do que os clientes da SAP a citar a falta do conhecimento tecnológico necessário entre os talentos disponíveis.

CIO

“Uma esmagadora parcela de 86% dos entrevistados prevê que será um desafio contratar indivíduos com experiência em tecnologias locais, como planejamento de recursos empresariais (ERP) e gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM).”

Lição 4: A segurança cibernética lidera a lista de habilidades sob demanda

Embora sejam necessárias habilidades em todas as áreas de TI, o estudo mostra que a segurança cibernética e as habilidades em nuvem/multi-nuvem são as maiores prioridades para os entrevistados durante os próximos 12 meses. Recrutar essas habilidades difíceis de encontrar (e provavelmente caras) pode consumir o orçamento e o número de funcionários de suporte de software empresarial.

Talento tecnológico legado é fundamental para acelerar a inovação

As empresas precisam de uma combinação de estratégias para lidar com a escassez de habilidades tecnológicas. Quase 60% dos entrevistados indicaram que suas organizações provavelmente utilizar fornecedores ou prestadores de serviços para resolver as lacunas de habilidades de TI. Mais da metade (55%) relata que é provável que suas organizações mudem recursos do gerenciamento de tecnologia sob demanda para ajudar em outros projetos nos próximos 12 meses. Embora o talento de sistemas sob medida seja tão difícil de encontrar quanto o talento digital, apenas 1 em cada 3 CIOs planeja terceirizar as habilidades de software empresarial, deixando muitas oportunidades para suporte de terceiros ajudarem a resolver a escassez de talentos tecnológicos.

Download the full CIO report

Baixar o relatório completo do CIO

Mais dados do relatório

Webcast: Como lidar com a escassez de talentos em tecnologia

"Os desafios tecnologicos mais importantes, como a proteção de segurança cibernética e a migração da infraestrutura de TI para o futuro elevam a questão que os CIOs enfrentam com mais frequência do que nunca: como vamos encontrar o talento tecnológico necessário para manter os sistemas operacionais existentes e também fazer crescer o negócio?" diz Brian Slepko, EVP, Global Service Delivery da Rimini Street.

Acompanhe essa conversa com o analista do CIO, Tom Schmidt, sobre as descobertas da pesquisa de escassez de talentos de TI do CIO de 2022 e suas estratégias propostas para atender às prioridades dos negócios, equilibrando as necessidades de habilidades tecnológicas novas e legadas.